Adoradores...

Contexto SAGRADAS ESCRITURAS, 14.abr.2017, Jeremias 18

Então veio a mim a palavra do SENHOR, dizendo:
Não poderei EU fazer de vós como fez este oleiro, ó casa de Israel? diz o SENHOR. Eis que, como o barro na mão do oleiro, assim sois vós na Minha mão, ó casa de Israel.
[Isaías 64.8; 45.9; Mateus 20.15; Jeremias 18.4; Daniel 4.23]
No momento em que falar contra uma nação, e contra um reino para arrancar, e para derrubar, e para destruir,
[Jeremias 1.10; 12.14-17; 25.9-14; 45.4; Amós 9.8]
se a tal nação, porém, contra a qual falar se converter da sua maldade, também EU ME arrependerei do mal que pensava fazer-lhe.
[Jeremias 26.3,13; Ezequiel 18.21; Juízes 2.18]

[036789]

abril 27, 2017


Em 2012, eu como desigrejado já me referia aos lideres eclesiásticos:



Cópia fiel do link Facebook [ https://www.facebook.com/james.almeida.79/posts/3818568146855  ]




PASTORES UNGIDOS, AZEITE DA UNÇÃO DADO EM "IGREJAS", UNÇÃO EM TUDO E A TODOS, BUGIGANGAS RELIGIOSAS. AFINAL, PORQUE OS EVANGÉLICOS ACEITAM ESTAS CRENDICES??

Os crentes creem em Deus para salvação de suas almas na pessoa do Filho Amado, jamais se deixam confundir ou iludir com recalcadas parafernálias dos religiosos, que inventam, vivem por fantasias, e neste sentido, milhões de evangélicos se tem feito de presas.

Cristo nos admoestou a que, os sinais seguirão aos que crerem; porquanto, é imprescindível nossa perseverança na Palavra de Deus, devemos dar lugar a que o Espírito Santo fale em nossos corações, e não que estejamos de ouvidos a ouvir qualquer coisa;

Não é por que o fulano ou ciclano usam um terno e tem cartirinha eclesiástica, ou que se diz pastor-chefe, ou se apresenta como oficial com autoridade hierárquica sejam alguma coisa; para mim não passam de miseráveis homens religiosos;

Os homens de Deus tem um chamado é de Deus, são escolhidos pelo SENHOR que lhes dá dons ministeriais [Efésios 4.10] e não é por escolha de outros homens, e muito menos por que fizeram cursetos teológicos, e muito menos por que são filhos, genros de outros pastores.

Nossa geração (este tempo presente) tem o privilégio em possuir, em cada lar, pelo menos um exemplar da Bíblia (livro que contém a Palavra de Deus, algumas com diversas alterações, mas temos), e mesmo assim, são milhões e milhões de pessoas que andam ouvindo qualquer baboseira que se fala nos palcos religiosos, que alguns chamam de púlpito, outros de altar (o certo é que, se estes lugares de vantagem concedido a alguns, com exclusão de outros, fossem um altar a Deus, por certo, o SENHOR já havia consumido todos a fogo, como fez nos tempos de Moisés aos seguidores de Coré, Números 16).

Pois bem, sabemos que a Igreja de Cristo são pessoas, única; a Palavra de Deus exorta em não nos dividir, “conhecendo Ele os seus pensamentos, disse-lhes: Todo o reino, dividido contra si mesmo, será assolado; e a casa, dividida contra si mesma, cairá” [Lucas 11], e neste sentido, Paulo afirma da Igreja [1Coríntios 1-12,13];

A “universal assembléia e igreja dos primogênitos, que estão inscritos nos céus” [Hebreus 12] está em todo lugar, santificados em Cristo Jesus, com todos os que em todo o lugar invocam o nome de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor deles e nosso; porquanto, não se pode afirmar que a “igreja” é um lugar fixo, paredes fixas, um lugar geográfico. Então, como sabemos pela Palavra de Deus da definição da Igreja; de que não tem um chamado divino qualquer um que se apresenta como pastor, bispo, apóstolo(??) ou seja lá o título que for; de que “altar” em lugares com placa de “igreja” não são de importância alguma; deve-se, todos, os que já conhecem a Deus e outros que O venham conhecer, por conseguinte, se precaver das gambérrias que homens religiosos têm criado para enganar multidões (e como enganam). E, estas enganações, dentre outras são:

Ungidos de Deus

A Palavra de Deus não testifica que são ungidos do SENHOR os homens religiosos, os pastores, bispos, apóstolos(??); Afinal, “não toqueis no ungido do Senhor” foi a referência que Davi fez de Saul, que foi ungido rei de Israel, porém, este mesmo Saul perdeu esta unção, que foi derramada sobre Davi [leia sobre estes reis, únicos ungidos pelo SENHOR em 1Samuel]...

Ora, “não toqueis no ungido do Senhor” é uma desculpa demoníaca que muitos líderes(??) evangélicos têm usado para esconder algo, aliás, é uma situação patética querer “tentar” amedrontar alguém com o cansativo “ungido do Senhor”, muitos tomam uma bruzuntada de óleo (de cozinha) na cabeça e se acham os ungidos da vez. É cômico, e triste saber que os evangélicos aceitam isto!!!

Unção de pastores

Ninguém tem condições diante de Deus a ficar ungindo a torto e a direito, ninguém tem como dar unção alguma; antes a Palavra de Deus afirma que a unção que recebemos é somente pelo Espírito Santo [1João 2.25]; A única situação pela unção (com azeite) que encontramos pelo testemunho e exortação da Palavra de Deus, é quanto aos enfermos [Tiago 5].

Azeite da unção

Quando se medita na Palavra de Deus, encontra-se em Êxodo 30.22-33, o relato sobre Deus determinando o azeite da Santa unção que tinha propósitos específicos na tenda da congregação, arca do Testemunho e na consagração dos sacerdotes;

Porém, é imprescindível salientar que o azeite da Santa unção não poderia ser usado afim de outros propósitos, e para tanto, adverte o SENHOR:

”Não se ungirá com ele a carne do homem, nem fareis outro de semelhante composição; santo é, e será santo para vós.” [Êxodo 30.32]

Porquanto, não há procedentes bíblicos para se afirmar que um “óleo” seja o azeite da unção, e que há poder de Deus sobre ele, é presunção, rebeldia, insubordinação diante do SENHOR.

Bugigangas religiosas

Pulseiras, canetas, toalhas, martelos, vasos, “ungidos”??

Tudo quanto se “vende” (aliás, em mentira, pastores dizem que outros devem adquirir estas bugigangas como ofertas) nos lugares com placas de “igreja”, isto não tem propósito de Deus, é um comércio religioso que somente visa enriquecer os tais pastores, bispos, apóstolos(??);

Lugar com nome de “igreja”

Cristo veio ao mundo fazendo-se sacrifício para trazer salvação aos pecadores, e, portanto, quando O aceitamos como nosso Senhor e Salvador, nos abstemos das coisas do mundo, somos pertencentes a Igreja de Deus, Efésios 2, então, lugares com nome de “igreja” ou templos nomeados de “igreja” nada são, somente são lugares de encontro!! Na verdade, muitos se acham afrontados com minhas mensagens, entretanto, somente quero demonstrar que Cristo veio ao mundo para salvação, e não para dar privilégios a uma meia dúzia de tolos religiosos...


Por Cristo. Em Cristo. Para Cristo. Nos interesses da Igreja que Cristo edificou.



Gambérriasf
1 Rasteira;
2 Ação destinada a enganar alguém. = ARDIL, EMBUSTE, LOGRO, TRAPAÇA;
3 Disputa, briga. 

[036970]

. .


abril 14, 2017


Nação de tolos úteis... sementes que caíram no espinho


Contexto bíblico: Mateus 13

"E o que foi semeado entre espinhos é o que ouve a palavra, mas os cuidados deste mundo, e a sedução das riquezas sufocam a Palavra, e fica infrutífera;"

O escapismo religioso caracteriza o homem, pecador, com relação a DEUS e principalmente à Sua vontade.

E ir indo ao templo, a igreja instituição, é o homem fingindo que vai ao encontro de DEUS - em outro lugar, porque na verdade não quer que ELE faça parte de sua vida, que desarranje seus planos, que denuncie seus erros. É o homem fingindo que vai congregar com o irmão, com quem também não deseja muito envolvimento, apenas um ajuntamento que fortaleça sua "fé". É o homem cumprindo meramente a letra para dizer: "eu fiz como estava escrito".

Mas não entendeu nada, e banalizou o que leu!!

Acontece que para o entendimento e amadurecimento fomos chamados, e não é seu amor por formas e ritos iniciais que vai mudar isso, como não é sua timidez e covardia em não ultrapassar o que foi escrito que vai torná-lo inocente.

Outro motivo é que, como todo genérico, a mera prática religiosa requer muito menos sacrifício.

Afinal, é muito mais fácil levar alguém para "ouvir uma palavra" dita por outra pessoa, em um lugar alheio, cheio de gente, do que "botar a mão na massa". Mais fácil chamar de "irmão" do que agir como tal, mais fácil dizer "a paz do Senhor" do que ajudar a estabelecer a paz.

A paz que vem da Verdade, não da ausência de discussão, quando esta for necessária.

  • É mais fácil "pregar" que ouvir a dúvida do outro e responder a razão de sua fé.
  • Mais fácil levar para o templo, a igreja instituição, que andar algumas milhas com alguém.
  • Mais fácil cantar do que adorar.
  • Mais fácil se firmar em números, letra e lógica do que confiar no ESPÍRITO.
  • Mais fácil crer no meio de um um monte de gente que ter fé de que nunca está sozinho.
  • Mais fácil cultuar por algumas horas em algum lugar do que ser local de culto, na vida.

Muito mais fácil tagarelar sobre DEUS do que ficar em silêncio com ELE, sozinho, ouvindo tudo o que você tem que abandonar porque não passam de facilidades adotadas por pura conveniência carnal e religiosa.


Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém.

Compilação, [036780]

março 28, 2017


Dízimos p'ra pagar contas d'água, luz, pãezinhos??!!


* Esta imagem é copinhos para ceifa, digo, "ceia" na igreja Quadrangular

Um trunfo (engano) ou melhor dizendo, um triunfo que muitos, aliás, todos, pastores, padres, as lideranças eclesiásticas, usam para justificar o recolhimento/roubo de dízimos nas igrejas instituições está relacionado a mantenadoria dos 'templos' (prédios inanimados que eles pelas crendices dizem e enganam ser "santificados" e apelidam com nome de "igrejas") e dogmáticos pedem para energia elétrica, água, e o custo com aquisição, por exemplo, para uma tal hipotética "ceia" com pãezinhos de sal e sucos de uva que eles também apelidam de "santa"...

Como de praxe, estou rebatendo mercenários hipócritas e hipocondríacos das religiões, e anuncio a verdade de CRISTO:

- pagar energia elétrica?
 "EU SOU a luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida" [João 8].

- pagar conta de água?
"Mas aquele que beber da água que EU lhe der nunca terá sede, porque a água que EU lhe der se fará nele uma fonte de água que salte para a vida eterna" [João 4].

- Adquirir pães??
"EU SOU o pão vivo que desceu do céu; se alguém comer deste pão, viverá para sempre; e o pão que EU der é a minha carne, que EU darei pela vida do mundo" [João 6].


Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém.

[036565]

março 19, 2017


Idioscópico religioso, os "unxidos" do deus Mamom


Contexto bíblico 1Coríntios 14:

"Que fareis pois, irmãos? Quando vos ajuntais, cada um de vós tem salmo, tem doutrina, tem revelação, tem língua, tem interpretação. Faça-se tudo para edificação."

As pessoas que buscam a DEUS porém, necessitam "estar" dentro (precisam apalpar) dos locais apelidados de 'igrejas' ou igrejas instituições são ensinadas que, a liderança eclesiástica ou o líder religioso, são o idioscópico religioso da Palavra de DEUS, ou seja, somente eles, os lideres é quem tem o peculiar para alguns = CARACTERÍSTICO, EXCLUSIVO. 

Porquanto, a idiotização das igrejas instituições afirmam que apenas, tão somente os lideres destas chamadas 'igrejas' é quem tem a propriedade privada, são únicos, os particulares em ensinar e falar nos templos, mesmo por que, eles é quem dão a patética e ilusória cobertura espiritual;

Contradizem as Sagradas Escrituras, descarados, débeis, fúteis, malignos quanto a exortação de Paulo ao ajuntamento, a congregação, reunião de irmãos em CRISTO, os sujeitos infelizes das religiões (todo o sistema) querem a atenção para si, são amantes de si mesmos2Timóteo 3, colocam o ego religioso a frente da vontade de DEUSRomanos 12, e com isto, levam cativos aos meninos na fé2Timóteo 3 que precisam apalparAtos 17 alguma coisa ou alguém para terem uma suposta e hipotética fé no SENHOR.



Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém.


[036315]

fevereiro 28, 2017


A santificação se opõe a religiosidade


Contexto Hebreus 12:

"Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o SENHOR;"

Desde os primórdios da humanidade, a religiosidade se fez presente, e tão somente nesta geração, vem crescendo, multiplicando-se feito erva daninha no meio de um povo que se diz de DEUSRomanos 8.

Por que os religiosos, vivem pelas igrejas instituições em suas crendices, dogmas, sofismas, em argumentos capciosos para enganar, não sabem viver por fé, apenas querem viver pelo tato, no que se ver ou apalparAtos 17, a fé os assusta, e neste sentido, as estruturas institucionais das chamadas 'igrejas' os conforta.

A religiosidade tem profanado corações que outrora buscavam a santificação.

São levados por sermões materialistas, expostos por mercenários, lideranças eclesiásticas de lugares apelidados de 'igrejas' que somente visam os lucros, riquezas, enriquecimento as custas de pessoas incautas, inconstantes, intelectuais iletrados do entendimento bíblico, que andam atrás de solução de problemas terrenos, coisas que perecem.

Os famosos shows de fé que dia após dia iludem multidões em locais apelidados de 'igrejas' tem feito plateias de zumbis religiosos, que não se permitem em deixar a ação do ESPÍRITO SANTO em seus corações, não se permitem em possuir um espírito quebrantado, um coração quebrantado e contrito, por que querem imitar suas lideranças eclesiásticas;

O show não pode parar, são danças, rodopios, piadinhas, gritos histéricos do preletor, músicas embaladas a melodias para o frenesi religioso com o êxtase da carne em lágrimas que somente afetam o ego e mutilam a alma, sermões infindáveis de lideres, corais, mais músicas, onde a grande multidão, dizendo-se em comunhão sem conhecer-se uns aos outros, patética, ouve, escuta, vê, e nada diz, aliás, não lhe é permitido a que fale, apenas alguns testemunhos(??) aqui ou acolá!!

A expressão e exposição da Palavra de DEUS [contida na Bíblia] fica acondicionada a interpretações referente a teologia ou tradição ou regra básica da igreja instituição ou lugar apelidado de 'igreja' donde a liderança eclesiástica é a única a expor, ou trazer a interpretação que as ovelhas devem seguir, piamente, cega e muda;

Ovelhas de um aprisco do qual seguem mudas para se auto tosquiarem e que sejam sugada-lhes a gordura; nada mais!!

Desta forma, milhares se amontoam nas igrejas instituições, e ensinadas pelas doutrinas e tradições de homens dissolutosColossenses 2 desprezando a santificação por uma santidade mórbida, seguindo enfileirados ao inferno; por que quando se adentra aos muitos templos, a situação tornou-se caótica, e ainda mais será, milhares travestidos de santos, cantarolando musicas em letras religiosas, numa perca frenética de um tempo gasto na busca as coisas materiais futuras, muitos trocando suas próprias personalidades...

Há uma necessidade, urgente, de se mudar o foco da adoração; estão adorando ao tempo presente, sem perspectivas de um futuro em CRISTO, sem se importarem com a vida eterna1João 2.


Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém.


[035920]
.

fevereiro 15, 2017

Religiosidade, o mal dos séculos.


A religiosidade é uma qualidade do indivíduo que é caracterizada pela disposição ou tendência do mesmo, para perseguir a sua própria religião ou a integrar-se às supostas coisas sagradas. Precisamos diferir o ser possuidor de religiosidade, do religioso, que é fruto do sistema religioso.

O religioso é um fanático, que não compreende e não respeita o Processo Religare do próximo. Ele se torna intolerante e não aceita as práticas religiosas de outros indivíduos, considerando o seu caminho único e inquestionável.

Acontece, com isto, que alguns sistemas religiosos podem gerar indivíduos de religiosidade, mas como os religiosos se apegam ao poder e as fórmulas, tendem a manipular as mentes atormentadas e sofredoras, obrigando a todo aquele que não esteja em sintonia com seus ideais a se tornarem submissos. Daí as crises e a intolerância religiosa.

Os religiosos são de fato os grandes causadores de problema, aliados aos seus sistemas.

Do ponto de vista geral, a religiosidade mostra o sentido de transcendência de uma pessoa ao refletir sobre a espiritualidade. Uma espiritualidade que adquire aspectos concretos através de crenças religiosas pessoais que mostram a fé dentro de uma doutrina religiosa; a religiosidade mostra a forma de expressão que tem um sujeito de comunicar-se com a divindade através de rituais, rezas ou orações.

A religiosidade é a pessoa não ter um compromisso verdadeiro, é estar ali (na igreja instituição) apenas por estar e movida apenas por uma rotina.

O Processo Religare nada mais é do que o desenvolvimento das faculdades psíquicas da alma, que o tornem sensível à percepção da sua relação com DEUS. Logo, entendemos diante disto, que não nos afastamos de DEUS, mas nos relacionamos com ele inconscientemente, sendo que o nosso verdadeiro trabalho é conscientizarmo-nos desta relação, para tornarmo-nos merecedores de suas benesses. .

Muitos pastores tem combatido aos desigrejados, por estes terem se desvinculado das igrejas instituições, e este êxodo vem de encontro justamente em função das atitudes destes mesmos pastores.

Há pastores que dizem querer auxiliar aos desigrejados a encontrarem o caminho da verdade, mentira!!

Há pastores que combatem os desigrejados por que denunciam pastores e as igrejas instituições pelos ensinos equivocados, sem contexto bíblico, pretensiosos em enganar as pessoas!!

Há pastores que criticam aos outros pastores, tem o que chama-os carinhosamente de "criminosos" e até a própria "igreja" mãe não é polpada, e afrontam aos desigrejados por fazerem as mesmas denuncias!!



Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém.


[035760]