Adoradores...

agosto 24, 2011

Comunhão, união!! Somente em Cristo.

.
Nossa união, nossa comunhão, a nossa unidade como corpo de Cristo, os que professam o nome do Cordeiro de Deus sobre a face da terra, está, em verdade, em Cristo.

A comunhão real, em princípio, meio e fim quando diz:
- “ Oh! quão bom e quão suave é que os irmãos vivam em união” [Salmos 133], somente será real se ocorrer em Cristo, porém, esta união, comunhão, jamais se refere a estar somente reunidos num mesmo lugar com nome de ‘igreja’ (templo), mesmo por que, como dizer que somente há comunhão quando se estão reunidos num lugar chamado de 'igreja' (de tijolos), se todos os membros do corpo de Cristo estão espalhados pelo mundo e não podem estar num mesmo lugar ao mesmo tempo, portanto, a comunhão, união ou unidade da Igreja somente há em Cristo e não por estar reunidos num lugar!!

Cristo, o Senhor, é o centro de nossas vidas, Ele é o Caminho da comunhão, da união, da unidade, do nosso viver, e não por alguns princípios doutrinários de boa fé, de pessoas boazinhas;

Somente se alcança a comunhão, a unidade em Cristo, e esta será mantida pelo Espírito e não por homens que se acham lideres religiosos.

É impossível que forcemos uma unidade do corpo do Cristo, não a criamos como que por uma convocação; Ela existe na comunhão do Pai, e do Filho, pelo Espírito Santo.

Quando, pela misericórdia de Deus, constrangidos pela unção do Espírito Santo, passamos a viver pela Palavra de Deus e por conseguinte, firmados no entendimento de qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus [Romanos 12], participamo-nos desta maravilhosa comunhão, unidade do Pai e do Filho.

Há inúmeros esforços para se fazer uma unidade, união, porém, esta é feita através de esforços humanos, por vontade de homens, na fundação e criação de lugares com nome religioso (construindo templos de pedras), e não por Cristo, o cabeça da Igreja;

Quando, pois, nos permitimos em ser guiados, liderados pelo Espírito Santo, entenderemos a unidade do corpo de Cristo, como disse o Senhor: “Para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste” [João 17].

E, portanto, pela ação do Espírito Santo podemos afirmar e dizer o que ouvimos e “isso vos anunciamos, para que também tenhais comunhão conosco; e a nossa comunhão é com o Pai, e com seu Filho Jesus Cristo” [1João 1].

A comunhão, união ou unidade, não existe em templos ou lugares que se chamam de ‘igreja’, mas, a unidade perfeita está em procurar “guardar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz” [Efésios 4].

Enfim, nestes corpos mortais, necessário se faz que nossa união, comunhão, unidade como Igreja, se faça, pois, em Cristo que no céu está, entronizado na glória de Deus!!


Vivendo Por, Em e Para Cristo; nos interesses da Igreja que Cristo edificou.
.
[7249]

Nenhum comentário: