Adoradores...

julho 12, 2012

Ensino bíblico da Palavra de Deus

[16852]

Há um consenso de que a Bíblia, o livro mais conhecido e publicado sobre a face da terra, contém a Palavra de Deus, não em sua essência simples e pura, mas, com uma gama de alterações em suas traduções, que via de regra, deturpa sobremaneira o entendimento.

Não me venham os ‘espertalhudos evangélicos’ dizerem que sou contra a Bíblia, porque o que quero é frisar quanto ao que se ensina da Bíblia pela Palavra de Deus.

Enfim, muitas são as traduções da Bíblia e muitos são os que se aproveitam disto.

A todos os momentos encontramos pessoas (cristãs) que fazem referência dos bereanos, e você, como tem se portado nos encontros onde se apresenta estudos da Palavra de Deus??!!

Ora, bereanos foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a Palavra, examinando cada dia nas Escrituras se as coisas ditas eram verdadeiras [Atos 17], donde entendemos que, não simplesmente se deve ouvir o que se prega ou ensina da Palavra de Deus, mas, devemos sempre examinar se realmente o que nos transmitem condiz com a verdade ou não.

Infelizmente, a maioria dos evangélicos (e os cristãos em geral, aliás, todos os seguidores das religiões) sentam nos bancos das instituições religiosas com placas de igrejas para somente ouvir o que ensinam os obreiros eclesiásticos; em nada reagem, ficam patéticos engolindo tudo o que é direcionado e falado nos púlpitos religiosos...

... em momento nenhum há uma reação dos ouvintes quanto ao que o palestrando venha expelir pela boca...

Exemplo clássico, são os patéticos programas evangélicos na televisão que se encontra nas pregações, pois que, em momento nenhum há reação da plateia quanto ao que é exposto, todos engolem direitinho tudo o que é despejado; ninguém se importa quanto a verdade ou crendice religiosa.

E este é o sentido desta mensagem, que as pessoas, mesmo que frequentem lugares ou locais com placas de igrejas, quando do ensinamento bíblico da Palavra de Deus, não fiquem somente como ouvintes, mas, ser participantes do debate, que examinem pela Palavra de Deus se o contexto apresentado pelo palestrante é fidedigno ou fraudulento;

O verdadeiro estudo bíblico da Palavra de Deus é consistente da leitura e exame detalhado de passagens bíblicas e não de meia dúzia de versículos isolados em duas horas de palestra.

Como adverte e exorta Paulo:

Examinai tudo. Retende o bem” [1Tessalonicenses 5].

Seja esperto, astuto, sagaz; não se deixe enganar pelos charlatões religiosos que somente visam a gordura das ovelhas; Deus não é ‘exclusividade’ de alguns poucos “santinhos religiosos”. Deus é para todos!

Através do Espírito Santo é derramada unção [1João 2.27] para o ensinamento dos servos para que aprendam qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus, ninguém necessita de ensinos hipócritas.


Porque dEle e por Ele, e para Ele, são todas as coisas; glória, pois, a Deus eternamente; nos interesses da Igreja que Cristo edificou. Amém.

.

Nenhum comentário: