Adoradores...

agosto 05, 2016


Dois ou três reunidos em nome de CRISTO, a verdadeira Igreja!!!

[034048]


Contexto bíblico Mateus 18:

"Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em Meu nome, aí estou EU no meio deles."

Os desigrejados citam esta passagem bíblica no único e simples argumento de jogar por terra a imposição dos frequentadores e fundadores da igreja instituição (lugares apelidados de igrejas), que por suas crendices, usam o sofisma (argumento capcioso no intuito de enganar) da obrigatoriedade de se reunir (congregar), se e somente se, estiver num templo religioso, e por este motivo, existem homens religiosos (lideranças eclesiásticas) que anseiam em denigrir os desigrejados.

Como são forjadores de opiniões fraudulentas, mercenárias, fúteis, estes tais religiosos...

No contexto em epígrafe, CRISTO não fez e não faz menção sobre qualquer templo que seja; tão somente, o SENHOR nos faz a anuência de que devemos estar sempre, em tudo quanto realizarmos, direcionados em Seu nome.

E certo é que, todas as vezes que mencionamos tal contexto no qual frisamos não haver a obrigatoriedade de se estar neste ou naquele templo religioso construído por homens, as lideranças eclesiásticas e seus seguidores querem desvirtuar a real finalidade do versículo, pretendem contrariar o verdadeiro argumento atacando-nos, fazendo referência aos seus atos ou palavras, sem rebater o conteúdo do próprio argumento. As reuniões, onde estão dois ou três reunidos (congregados) em nome de CRISTO, tem o fim de O adorarmos em espírito e em verdade, seja em que lugar for, não importa, o que importa é que DEUS seja louvado!!

A veracidade é que, os desigrejados jamais combateram as pessoas que vão aos templos religiosos, nosso embate está nos ensinos que são inventados e maquinados nesses lugares apelidados de 'igrejas' e suas imposições e dogmas, doutrinas e tradições de homens [Mateus 15].

As crendices ou sofismas, as quais são frutos dos ensinos nos templos religiosos, que ferrenhamente temos de embate, de oposição, que tanto resistimos, são, dentre outras:

  • à justificativa dos que construíram e dos que usam os templos religiosos como sendo único local onde supostamente se encontrará DEUS..
Mentira!! DEUS está em todo lugar, ELE é onipresente!!!

  • à justificativa de que somente há comunhão, que somente se congrega, estando dentro de um templo religioso....
Mentira!! O contexto bíblico de Mateus 18 nos mostra que as reuniões (quando se congrega), o importante é que se deve reunir (congregar) em nome de CRISTO, em qualquer lugar, assim como o SENHOR nos disse em João 4:

"Disse-lhe JESUS: Mulher, crê-ME que a hora vem, em que nem neste monte nem em Jerusalém adorareis o PAI.
Vós adorais o que não sabeis; nós adoramos o que sabemos porque a salvação vem dos judeus.
Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o PAI em espírito e em verdade; porque o PAI procura a tais que assim O adorem.
DEUS é ESPÍRITO, e importa que os que O adoram O adorem em espírito e em verdade.
"

  • à justificativa da necessidade de se construir e somente ir aos templos religiosos usando versículos bíblicos fazendo menção de que CRISTO e Seus apóstolos iam ao templo de Jerusalém, como por exemplo, Atos 3, Atos 5...
Mentira!! A Palavra de DEUS e a imagem abaixo nos mostra que, a ninguém era permitido adentrar ao templo de Jerusalém, somente os sacerdotes (que já não se fazem mais necessários, por que temos um único Sumo Sacerdote, CRISTO [Hebreus 5]), porquanto, tanto CRISTO como os apóstolos e demais pessoas, ficavam aos arredores do templo, nos pátios e escadarias.

  • à justificativa de que DEUS, no Antigo Testamento, ordenou a construção do templo de Jerusalém...
Mentira!! Apesar de DEUS ter ordenado a construção de um templo em Jerusalém, porém, este era para a adoração dos judeus, de Israel, e aliás, diga-se de passagem, foi derribado, destruído; portanto, não há nenhuma obrigatoriedade de que se construa outros templos após a crucificação e ressurreição de CRISTO;

O pretexto da obrigatoriedade de construção de templos religiosos se desfazem quando somos justificados pelo contexto bíblico, diante dos textos:

  • "Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do ESPÍRITO SANTO, que habita em vós, proveniente de DEUS, e que não sois de vós mesmos?" [1Coríntios 6]
  • "O DEUS que fez o mundo e tudo o que nele há é o SENHOR do céu e da terra, e não habita em santuários feitos por mãos humanas." [Atos 17]
  • "Vós também, como pedras vivas, sois edificados casa espiritual e sacerdócio santo, para oferecer sacrifícios espirituais agradáveis a DEUS por JESUS CRISTO." [1Pedro 2]
  • e tantos outros.

Enfim, vc quer se reunir nos templos religiosos apelidados de 'igrejas??
Que o faça, mas não venha mentir que é somente neles que se há comunhão, que somente neles é que a Igreja existe, que somente neles é que DEUS está, não use deste artificio para justificar uma suposta e hipotética obrigatoriedade que CRISTO não nos sujeita...... não seja anátema!!






Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou, e não nas instituições religiosas apelidadas de 'igrejas' fundadas por homens. Amém.


.

Nenhum comentário: