Adoradores...

Contexto SAGRADAS ESCRITURAS, 10.jul.2017, Mateus 5

EU, porém vos digo: Amai a vossos inimigos, bem-dizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem; [Lucas 23.34; 6.27-28; Atos 7.60; Romanos 12.14; 1Pedro 3.9; Salmos 7.4]
Para que sejais filhos do vosso PAI que está nos céus; porque faz que o Seu sol se levante sobre maus e bons, e a chuva desça sobre justos e injustos. [Lucas 6.35; Atos 14.17; Mateus 5.9; Jó 25.3; Salmos 145.9]
Pois, se amardes os que vos amam, que galardão havereis? Não fazem os publicanos também o mesmo? [Lucas 6.32-35; Mateus 6.1; 9.10-11; 11.19; 18.17]
E, se saudares unicamente os vossos irmãos, que fazeis de mais? Não fazem os publicanos também assim? [Mateus 5.20; Lucas 6.32; 10.4-5; 1Pedro 2.20]
Sede vós pois perfeitos, como é perfeito o vosso PAI que está nos céus. [Levítico 19.2; Colossenses 1.28; Gênesis 17.1; Deuteronômio 18.13; Lucas 6.36]

[037478]

agosto 16, 2010

Quais as categorias de dizimistas??

.
Como sou participante assíduo de diversos segmentos virtuais, entre Redes Sociais, Blogs, Twitter (todos relacionados com a Palavra de Deus, não necessariamente que todos estejam dentro do contexto bíblico, mas...), tenho recebido mensagens que vão deste o mesmo entendimento compartilhado do Espírito Santo até mensagens afrontosas e esdrúxulas, dentro da realidade que sempre tenho combatido exaustivamente, qual seja, a imposição da entrega dos dízimos nas instituições religiosas com nome de igrejas, como por exemplo, as igrejas evangélicas.

Entre algumas, defesas a esta manipulação de financiamento religioso, muitos usam de tudo para justificar este mercenário método religioso que não tem respaldo bíblico, ou contribuição dizimista, ou oferta, ou voluntária, e este pequeno universo de defensores, encontramos, nada menos que, quatro (4) categorias, que na realidade, da Verdade bíblica nenhum deles quer tomar conhecimento!

Assim, descrevemo-los:

1 - Os que se beneficiam das arrecadações. Esta categoria, quer manter a imposição da entrega dos dízimos, ou ofertas, nas instituições religiosas com nome de igrejas a todo custo, pois, é uma forma de ganhar dinheiro sem trabalhar e sem derramar o suor do rosto [Gênesis 3.19], em especial na forma de salários...

2 - Os que contribuem como forma de servir. Esta categoria, como a anterior, também quer manter a entrega dos dízimos ou ofertas nas instituições religiosas com nome de igrejas a todo custo, pois, eles acham que, entregando algumas migalhas de dinheiro nestes locais, estarão servindo a Deus, e esta é a maneira mais fácil de servir, é só entrar no templo, sentar num banquinho macio (num local onde tem banheiro limpo, zelador, água, etc), ouvir uma pregação geralmente colocando medo em quem não contribui (esta pregação é daquele que recebe o salário eclesiástico com os dízimos e ofertas), e no final daquilo que chamam de culto que tem mais música que Palavra de Deus, entrar numa fila e deixar o envelope com dinheiro...

3 - Os que contribuem para receber bênçãos. Nesta categoria denota-se a intenção da primeira categoria, pois, entregam suas migalhas em forma de dinheiro, e ainda querem que Deus os sirva com bênçãos, negligenciam o sofrimento de Jesus na cruz do Calvário por nós, e ainda querem mais para esta vida, indo em conformidade com o que diz Paulo em 1Coríntios 15.19, “Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens”;

4 - Os que contribuem dizendo que estão devolvendo o que é de Deus. Podemos notar que esta categoria vive uma vida entre o querer de Deus e não aceitar a Sua benevolência, pois, o Senhor Deus nos tem suprido as nossas necessidade, nem mais nem menos, e nada requer de nós em forma de dinheiro, a não ser que sejamos justos e retos, que façamos Sua vontade, servindo e amando ao nosso próximo como a nós mesmos... utilizando nossas dádivas com os que necessitam... mas, esta categoria, diz devolver a Deus entregando seus dízimos ou ofertas ou contribuições voluntárias nas mãos de homens, que geralmente são os da categoria que encabeça esta lista, os que se beneficiam das arrecadações.

É um círculo vicioso!!

Tenhamos a certeza em Cristo, a Verdade que liberta, que Deus não precisa de dinheiro, não requer que nós lhe devolvemos nenhum tostão, além de que, entregando dinheiro em instituições religiosas com nome de igrejas jamais se estará expandindo o reino de Deus, porque, expandir o reino de Deus é pregar as Boas Novas para que pela ação do Espírito Santo, o pecador se convença de seu pecado, arrependa-se, e se converta a Cristo.

Por Cristo. Em Cristo. Para Cristo. Nos interesses de Sua Igreja.
.

7 comentários:

Paul Fischer disse...

Acho que faltou alguma coisa no texto.

Claro que Deus não precisa do Dinheiro de ninguém. Entretanto existem irmãos que precisam. Pastores, viúvas, irmãos que passam por dificuldades financeiras, Apóstolos...

E não é o mandamento do dízimo que resolverá isto, mas a oferta, segundo o coração de cada um para sustento do corpo.

2Co 9.7 Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.

Jesus te abençoe amado irmão!

James disse...

.


Misericórdia, e paz, e amor vos sejam multiplicados.


Irmão Paul Fischer,

Parece-nos que os pastores estão recebendo muito, muito, muito além do que qualquer ser humano necessitaria, está dando para comprar carros importados, hospedarem em hotéis de luxo, comprar aviões, roupas de marca, status, afinal, os pastores estão recebendo fortunas...

Quanto as viúvas, por certo, é difícil encontrar uma ampara por instituição religiosa com nome de igreja...

E sobre os apóstolos, como que os dízimos e ofertas vão ampará-los?? Pois, todos os verdadeiros apóstolos de Cristo biblicamente falando, já morreram...

Deus o abençoe e aos seus ricamente.


Por Cristo. Em Cristo. Para Cristo. Nos interesses de Sua Igreja.


irmão James.
Jesus, o maior Amor
Comunidade "Adoradores em Casas"
Blog "Adoradores em Casas"
Comunidade Orkut "Adoradores em Casas"


...
..
.

Paul Fischer disse...

Amado irmão James,

Entendo claramente as suas objeções. Mas não podemos nos basear nas experiências desses homens. Se eles não tem o discernimento do que fazer com o dinheiro, ou não entendem que nosso objetivo não é ajuntar tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem consomem, não podemos fazer disso uma regra.

Assim como qualquer uma outra pessoa, os Pastores precisam de sustento. Muitos irmãos também precisam.

Vou te dar um exemplo. O que alguns irmãos podem fazer por irmãos que não tem o suficiente para o comer e vestir? Somente orar?

Também não podemos nos basear nestes, pois a fé sem obras é morta. Além de orarmos, precisamos dar de bom coração.

Outro exemplo: hoje não temos mais Pedro, Paulo... mas temos missionários, pessoas enviadas a lugares que não posso ir... estão lá para pregarem o evangelho, só isso. Como negarmos o sustento destes?

Os irmãos em Atos faziam muito mais do que dar ofertas... eles vendiam tudo o que tinham e distribuíam entre os irmãos. Este deve ser o nosso coração, de repartir os nossos bens. Uma das formas de fazer isso é com as ofertas.

Bem.... Brevemente é o que eu quis dizer. E que não podemos deixar de mencionar.

Que a graça do nosso Senhor Jesus esteja sobre ti!

--
-------------------
Paul Fischer
http://disciplepaulfischer.blogspot.com

Anônimo disse...

Ficar em casa... bem, podemos até ficar... ficar fazendo o que ?
Vendo Faustão, criticando tocas as igrejas que vemos.
Sabemos que há pastores impostores, padre impostores, budistas impostores e outras milhares de seitas neste mundo...
Mas existem os verdadeiros cristãos, que em casa ou na igreja, investem no Reino do Senhor e não ficam preocupados quanto aos "Edir Macedo" da vida, mas sabem e tem consciência da igreja a que pertencem.
Vá procurar uma igreja séria, com pastor idônio ( pode não parecer, mas existe)... é que a trave que existe no olhos dos que só criticam, nunca enxergarão as coisas do Reino.
Isso não é um desabafo, fico indignado, pois o Senhor Jesus disse que no final dos tempos tudo seria muito,mas muito mais difícil.
Hoje "VOCE" FICA EM CASA, GARANTO QUE FAZ CHURRASCOS, ALUGA UM FILME NA LOCADORA, TOMA COCA-COLA e possivelmente gasta até um bom dinheiro, mas quando alguém fala de uma mísera oferta, para manter um Pastor que faz visitas nos hospitais, que se desdobra para socorrer casais que estão separando, mães desisperadas porque tem filhos nas drogas... isso, com toda certeza dentro de casa, com todo seu conforto, realmente ficará muito mais difícil.
Jesus disse: " Mãos no arado e não olhar mais para trás.
Um grande abraço... meu caro.

James disse...

.

Ora, ora, ora,

Anônimo,

Como sempre o anonimato como forma de covardia, aliás, como falar das coisas de Jesus, sendo que para falar dEle você tem que se esconder??

Você está equivocado quanto ao se reunir em casas, o próprio Senhor Jesus disse que onde estiverem dois ou três reunidos em Seu nome, Ele se fará presente [Mateus 18.20], portanto, o Mestre não afirmou sobre em qual lugar, e não é numa multidão de frequentadores de igrejas evangélicas que se apresentará o SENHOR, pois, nesta multidão enclausurada em templos, muitos não querem servir ao SENHOR e muitos estão entregando dízimos e ofertas para comprar bênçãos...

Você está equivocado quanto diz que estamos preocupados quanto aos que ganham de igrejas, note que não estamos falamos somente dos mercenários da fé, mas, dos que também utilizam desta fé para querer receber bênçãos de Deus, tanto os mercenários quanto os seus seguidores utilizam deste forjado artifício, os dízimos e ofertas para as igrejas, no único intuito de satisfazerem os desejos de seus ventres...

Aliás, que acusador anônimo fraudulento você é, diz: “"VOCE" FICA EM CASA, GARANTO QUE FAZ CHURRASCOS, ALUGA UM FILME NA LOCADORA, TOMA COCA-COLA”... note que você garante que estou agindo assim, e nem me conhece, portanto, faz uma acusação mentirosa, é a Jesus Cristo que você quer exaltar neste seu infeliz comentário?? O próprio Senhor Jesus disse que satanás é o pai da mentira e quem usa de mentira é filho satânico...

E por fim, porque não temos tempo a perder com anônimos covardes e mentirosos, mas com a verdade que liberta, note quando você diz: “mas quando alguém fala de uma mísera oferta, para manter um Pastor que faz visitas nos hospitais”... a sua preguiça é estampada, pois, Jesus Cristo não nos ordenou pagar para os outros fazerem visitas a hospitais ou seja lá onde for, Ele nos ordenou que nós é que devemos ir, portanto, preguiçoso, sai de dentro do tempo, para de pagar para pastores, e vá você mesmo cumprir o IDE, e em especial Mateus 25.31-46.

Por Cristo. Em Cristo. Para Cristo. Nos interesses de Sua Igreja.


James.
Jesus, o maior Amor
Comunidade "Adoradores em Casas"
Blog "Adoradores em Casas"
Comunidade Orkut "Adoradores em Casas"


...
..
.

LUCIANO, simplesmente servo de DEUS! disse...

Olá amado!! graça e paz!!

Muito bom essas postagens sobre dizimos. e sua resposta pra o anônimo foi pauleira!!! rsrsrs.

nil disse...

o engraçado e que dar o dizimo e certo para eles e guardar o sabado não, ora se dizem que nao guardam o sabado por que foi mandamento aos israelitas por que não dizem o mesmo sobre o dizimo? engraçado não!